Entre no clima: Marcha Mundial pelo Planeta

Dia 29 de abril, sábado, às 15 horas, em frente ao Museu do Amanhã

No dia 29 de abril, exatos 100 dias de governo de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos, milhares de pessoas, em mais de 100 cidades do mundo, vão às ruas em uma mobilização por um planeta limpo e por uma sociedade sustentável. O objetivo da Marcha Mundial pelo Planeta é chamar a atenção para o descaso e o retrocesso deste governo.

As mudanças climáticas só tendem a agravar o cenário global de desemprego, doenças e desigualdade. A intensidade das secas, chuvas, frio, calor, inundações e poluição criam os chamados refugiados climáticos, que migram para os grandes centros urbanos.

No Rio de Janeiro, o ato liderado pelo The Climate Reality Project e Centro Brasil no Clima reunirá representantes de mais de 80 organizações – entre as quais Greenpeace, OndAzul, SOS Mata Atlântica, Defensores da Terra, Uma gota no oceano, Clímax Brasil. A mobilização será no sábado, dia 29 de abril, às 15 horas, em frente ao Museu do Amanhã.

A mobilização contará com atividades lúdicas, didáticas e artísticas, distribuição de cata-ventos (representando energia renovável), oficina de cartazes, urna que receberá os desejos para 2030, barras de Gelo escrito CLIMA para derreter, mímico com Globo Terrestre, totem para selfie sobre clima, além da primeira visitação aberta ao barco do Greenpeace Guerreiro do Arco-Íris, que chega em águas cariocas justamente neste dia. Os organizadores convocam a sociedade civil a comparecer vestida de branco e com cartazes, para entrar no clima!

“É a primeira manifestação global depois da eleição de Trump e da tentativa de fazer retroceder a agenda climática. Um ensaio geral para algo maior que deve acontecer em outubro, antes da Conferência COP 23, em Bonn. Mais do que nunca a sociedade civil precisa se mobilizar, globalmente e localmente, nesses tempos bicudos”, diz Alfredo Sirkis, à frente do Centro Brasil no Clima e Secretário do Fórum Brasileiro de Mudanças Climáticas.

The Climate Reality Project – criada pelo prêmio Nobel da Paz, Al Gore, é uma organização sem fins lucrativos envolvida na educação e advocacy relacionadas com a mudança climática. Já treinou cerca de nove mil pessoas representando 126 países como Líderes Climáticos voluntários para o projeto. No Brasil, há 600 líderes.

Centro Brasil no Clima – é representante do The Climate Reality Project no Brasil. Atua por meio da educação, advocacy, desenvolvimento e análise de políticas públicas. É responsável pela realização, desde 2012, do Rio Clima, evento anual que reúne especialistas e representantes de governos, empresas e organizações não-governamentais para proporem e debaterem políticas públicas referentes à mitigação de emissões de gases do efeito estufa e à transição para uma economia de baixo carbono.

Serviço:
Entre no Clima: marcha mundial pelo planeta
Data: 29 de abril, sábado
Horário: às 15 horas
Local: em frente ao Museu do Amanhã – Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *