Brasil é finalista em prêmio de Sustentabilidade

Pela terceira vez e segundo ano consecutivo, o Brasil é finalista do WTTC Tourism for Tomorrow Awards, que reconhece as melhores práticas em empresas de turismo que equilibram as necessidades das “pessoas, planeta e lucros”.

Entre os finalistas de cinco continentes está o Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá, responsável pela pousada Uakari, no Amazonas. O Instituto é finalista na categoria Comunidade, qualquer organização de turismo que trabalhe para melhorar as vidas e as oportunidades nas comunidades onde atua. O Instituto concorre com as empresas: &Beyond (África do Sul) e Global Himalayan Expedition (Índia).

Em 2017 outro brasileiro, o Refúgio Ecológico Caiman, também foi finalista na premiação. O Tourism for Tomorrow Awards está em seu 14º ano e é dividido em 5 categorias: Comunidade, Destino, Meio Ambiente, Inovação e Pessoas. Os vencedores deste ano serão anunciados durante uma cerimonia que será realizada na 18ª Cúpula Global WTTC, em Buenos Aires, dias 18 e 19 de abril.

O Instituto Mamirauá

O Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá (IDSM) foi criado em abril de 1999. É uma Organização Social fomentada e supervisionada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), que realiza programas de conservação nas áreas das Reservas Mamirauá e Amanã, na região do Médio Solimões, Amazonas. Juntas, estas reservas somam uma área de 3.474.000 ha. Por intermédio de convênios com o Governo do Estado do Amazonas, o Instituto Mamirauá apoia a gestão destas reservas, através de pesquisas científicas sobre a biodiversidade, o manejo e a conservação dos recursos naturais, de forma participativa e sustentável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *